Imagem no padrão, que será buscada a certificação, já é usada como santinho em Floripa

Na igreja de São Francisco da Penitência, em Florianópolis, existe uma magnífica imagem em tamanho natural – um santo de vestir, do Beato Antônio de Categeró (foto acima), com mais de duzentos anos de idade.

Mas, na sua lojinha de relicários, no páteo à entrada, são distribuídos Santinhos do beato (foto abaixo), no padrão com que se pretende buscar a certificação nacional da imagística deste beato – santo popular da igreja católica.

No verso da estampa do Beato Antônio de Categeró está a sua Oração mais difundida. Há semelhança de abordagem, no título, dessa oração, ao mesmo feitio, de uma oração de Santo Antônio de Pádua (Padova para os italianos) ou de Lisboa (para os portugueses).

 Ambas orações, surgem juntas, pela ação dos Jesuítas, em 1492, nos primórdios de São Paulo,  usando a mesma expressão “Milagroso”, tanto para Categeró (o Santo Antônio Preto), quanto para Pádua ou Lisboa ( o Santo Antônio Branco). Desta forma surgiram duas Irmandades, promovidas pelos jesuítas, na inter racialidade de brancos, negros e índios, com um mínimo de aparente igualdade.

Assim, é com grande satisfação que encontramos, a imagem do Beato Antônio de Categeró,  usada na igreja Matriz de Nossa Senhora do Ó em São Paulo. Estampa esta,  que foi criada por Manoel Victor de Azevedo Filho, autor da imagística do Sitio do Pica-pau Amarelo.
Ainda não existe uma definição de imagem certificada do beato. Mas, acreditamos que a usada pelo Monsenhor Salvatore Guastella, como biógrafo do Beato, é a que melhor se enquadra. Por isso a difundimos, para consagração no mundo, em honra ao beato. 

URL curta: http://categero.org.br/?p=12506

Publicado por em maio 29 2017. Arquivado em - Adm, - Na Sociedade. Você pode acompanhar quaisquer respostas a esta entrada através do RSS 2.0. Comentários e pings estão desabilitados.

Os comentários estão desabilitados!

Imagens

120x600 ad code [Inner pages]
CATEGERÓS NA EUROPA Por Laboratorio Web